Inatel Piodão Ultra Trail 2015

Ainda não tinha partilhado uma experiência de Trail aqui neste espaço também dedicado ao desporto e a esta modalidade que tanto gosto! 

Esta prova é sem dúvida uma uma excelente forma de iniciar este tema! 
Que Portugal é lindo ninguém tem dúvida, o que ninguém imagina é o que se explora além montanha, além dos trilhos!


Há uns bons anos fui federada em Orientação, uma modalidade que também é vivida outdoor em pleno contacto com a natureza e vários tipos de terrenos, que tem por objectivo passar por vários pontos com a ajuda de um mapa topográfico e uma bússola! . Fui feliz a competir nesta modalidade!
Fiz amigos que guardo até hoje e ficou também o gosto pelo contacto tão directo com a natureza, muitas vezes com condições atmosféricas bem desafiantes!
Mantive também o gosto pelo atletismo, como referi neste post!

Há menos de um ano, o meu marido e um grupo de amigos iam participar num Trail e resolvi ir à caminhada com amigas! Digamos que, adorei a caminhada pela companhia e nem por isso pela organização…guias perdidos, trilhos mal assinalados… enfim! Só pensava “onde é que já se viu isto sem um mapa e uma bússola”! Mas o certo é que despertou o “bichinho”…e acho que não falhei um mês desde então sem prova ou treino de Trail!

Bom, quanto a esta prova que tem tanto de lindo como de desafiante…

Piodão, uma pequena aldeia de Xisto situada na serra do Açor, escondida num vale conquista-nos à primeira vista!

IMG_6998

IMG_7002

IMG_7003

IMG_7004
A casa amorosa, no centro da aldeia, onde ficámos alojados!

Acordar no Piodão!

IMG_6975

Parti na prova dos 23k, a torcer pelo meu marido e dois amigos que já tinha partido na Ultra Maratona! Eles concluíram os seus primeiros 52k! #tantoorgulho

IMG_6978
#elaeamarmita foi a torcer com o marido durante 52k 🙂

Em relação à minha prova…
Pelas fotos acima, quem não conhece pode imaginar a aventura que foi! Em altimetria, em terreno e calor que, surpreendentemente, se fez sentir!

Foi sem dúvida uma experiência inesquecível, numa prova de introspecção e gestão de esforço! Não foram os primeiros 23k, mas foi a primeira vez com uma altimetria  de 1440D+ e prova de grau 3! 

As subidas eram de tal forma surpreendentes que era … parar e mentalizar, “sobe e não penses”….

IMG_6989

Durante a prova, já vinha a subir durante um bom tempo quando percebo o que estava pela frente! No caso acho que…uma imagem, não vale por mil palavras,,,só vivendo!!!
Se olharem ao pormenor vão ver uns pontinhos de cor ao longo do trilho e sim…”sobe, e para a próxima treina mais!”!

IMG_6988

Foram quase 4 horas a desfrutar de lindas paisagens e a viver o desafio a que me propus!
Não tinha tempo definido em mente, por saber que seria diferente de todas as outras provas que fiz com a mesma distância até ao momento, mas mais do que nunca queria chegar ao fim! E cheguei! 

IMG_7005
#muitaemoção

Como é habitual, existem massagistas para ajudar (e muito) na importante recuperação dos atletas! Este é um tema que irei abordar em breve pela sua importância para quem corre!

IMG_7012
https://www.facebook.com/fisio.massagem

Um momento meu, durante a prova, captado pela câmara do Abel.simoes.photo!

11071410_347416425464661_3594427428930671025_n
#magic

Recomendo vivamente esta modalidade, para quem gosta de natureza e de correr! 

Deixo no entanto uma recomendação para quem está tentado a experimentar! Apesar de ser uma modalidade em expansão sugiro que comecem por uma caminhada e vão aumentando a distância e nível de prova com o tempo!
Orgulho-me da quantidade de atletas portugueses que fazem ultra maratonas, e apesar do número crescente requer muito treino, dedicação e conhecimento dos seus próprios limites!

IMG_7018
Piodão ao anoitecer….

…para o ano há mais! 🙂
Deixo os parabéns à Associação Desportiva O Mundo da Corrida e à Inatel por nos proporcionarem provas como esta!

Say Something